Veja porque não se deve usar somente VPNs para a segurança de dados da sua empresa

Soluções de VPN existem há quase tanto tempo quanto a Internet. No entanto, essa tecnologia vem ganhando cada vez mais espaço. Isso porque, nos últimos anos, houve um crescimento massivo de serviços de TI terceirizados, muito em função da popularização da computação em nuvem.

No momento atual, em que muitas empresas tiveram que aderir ao trabalho remoto, essa tecnologia ganhou ainda mais notoriedade.

Aliás, as preocupações com a segurança no trabalho remoto não é uma questão apenas para os dias de hoje. A tendência é que, com a experiência durante a pandemia, a entrada completa da geração Z no mercado e com o amadurecimento das soluções em nuvem, essa modalidade de trabalho seja cada vez mais utilizada nas empresas.

Nesse cenário, o uso da VPN é essencial. No entanto, sozinha, essa tecnologia não é capaz de garantir a segurança de seus dados sensíveis. A seguir, entenda os motivos!

Não impede ataques de phishing

Uma VPN não protege os usuários contra ataques de Phishing e similares. Nesse caso, somente um antivírus também não é capaz de garantir a proteção dos dados.

Como se sabe, os ataques de phishing são dependentes de uma interação do usuário. Por isso, é fundamental que eles estejam cientes de todos os riscos e saibam como se proteger dessas ameaças.

Sem dúvidas, realizar treinamentos sobre segurança da informação, ajudando os colaboradores a identificar ameaças e a evitar comportamentos inadequados é essencial.

Mesmo com VPN as credenciais podem ser roubadas

Se um terminal remoto estiver desprotegido, suas credenciais da VPN podem ser roubadas. Dessa forma, os cibercriminosos podem acessar os seus dados sem muito esforço. Logo, sem uma autenticação forte, você não pode ter certeza da confidencialidade.

Para se proteger contra esse tipo de ameaça, a solução mais adequada é a implementação da autenticação com múltiplos fatores. Assim, mesmo que o login e a senha sejam roubados, você ainda terá uma barreira que impedirá que pessoas não autorizadas acessem os seus dados.

Não elimina as vulnerabilidades das redes Wi-Fi

Pouco adianta utilizar uma VPN se o usuário estiver conectado em uma rede Wi-Fi insegura. Essa prática permite, por exemplo, que invasores tenham acesso a todo o fluxo de dados do usuário.

Por isso, é essencial garantir que os usuários utilizem a opção “WPA2” como o método de criptografia da sua rede. Esse é o protocolo de certificação mais seguro disponível no momento e garante muito mais proteção aos dados de sua empresa.

Mesmo com a VPN, persistem as vulnerabilidades do endpoint

Em suma, uma VPN serve para conectar remotamente a uma rede privada através de uma conexão pública. Ou seja, ela impede que o tráfego de dados seja interceptado por terceiros, mas não garante a proteção dos termais em si.

Logo, os usuários continuam expostos a uma série de ameaças, como cavalos de troia, ransomware e outros tipos de malware se estiverem presentes no endpoint.

Por isso, além da VPN, é essencial a utilização de ferramentas avançadas de segurança, como antivírus profissionais.

Além disso, é fundamental garantir que os endpoints não estejam vulneráveis.

Para isso, é preciso manter os dispositivos atualizados com as últimas correções de segurança. Não apenas o sistema operacional, mas também todos os aplicativos.

Com a VPN surgem novos pontos de atenção

A utilização da VPN pode ser vista com uma expansão da sua rede para fora de sua infraestrutura de TI. Isso significa um aumento de sua complexibilidade, que deve ser refletida em suas barreiras de segurança.

Ou seja, é necessário realizar uma análise de riscos que o uso da VPN pode trazer para sua empresa. Depois disso, é preciso configurar políticas de firewall, VLANs, regras de roteamento, ACLs (Access Control Lists), etc. para criar as barreiras necessárias impedindo invasões.

Saiba como garantir a segurança dos dados de sua empresa

Como você pode perceber, a VPN, por si só, não é capaz de garantir a segurança total de seus dados. Por isso, seu uso deve ser combinado com uma série de outras ferramentas tais como antivírus e firewalls adequados, além de políticas afim de mitigar vulnerabilidades de segurança.

Para que sua empresa possa contar com um ambiente de TI mais seguro, o primeiro passo, consiste em uma análise completa dos riscos potenciais para, assim, definir a melhor estratégia para manter os dados seguros.

Para ajudá-lo nesse desafio, você pode contar com a NETCENTER. Nós oferecemos as melhores tecnologias e serviços de nível empresarial para proteger os seus dados.

Com 25 anos de experiência e parceria com os principais líderes de TI do mercado, podemos ajudá-lo a adquirir, otimizar e gerenciar soluções para proteção de ativos digitais.

Entre em contato agora mesmo e descubra como implementar uma solução completa e efetiva para garantir a segurança de suas informações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *